Foi mal no primeiro dia do Enem? Tire suas dúvidas sobre o que fazer.

  04/11/19      12h52

No último domingo (3) 3,9 milhões de pessoas participaram da prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. Os candidatos tiveram 5h30min para responder 45 questões de Linguagem e 45 questões de Ciências Humanas e escrever uma redação. O que fazer se você foi mal no primeiro dia de prova ou se algo ocorreu diferente do esperado. 


"Fui mal na 1ª prova. Devo participar do 2º dia de Enem?" 

Sim. O exame é composto por 180 questões e uma redação e fazer só metade dele vai diminuir muito a sua média geral e, consequentemente, as suas chances de concorrer a vagas em processos seletivos que usam a nota do Enem como critério de seleção. Além disso, a grande maioria dos vestibulares estipula nota mínima em diferentes áreas do conhecimento, que costuma ser 450 pontos em cada área do conhecimento. 


"Acho que zerei alguma das provas. Sou desclassificado?" 

O Enem não desclassifica candidatos com base nas suas notas. Porém, as instituições de ensino superior podem exigir nota diferente de zero como critério de seleção. A verificação precisa ser feita caso a caso, de acordo com os editais das universidades. O Sistema de Seleção Unificada (Sisu), por exemplo, exige que a nota de redação seja diferente de zero. "Perdi o primeiro dia do Enem. E agora?" Se você se atrasou ou se perdeu o primeiro dia de prova do Enem por alguma outra razão, pode e deve participar do segundo dia de prova do Enem, que acontece dia 10 de novembro. É uma forma de treinar para os vestibulares que virão. Sua nota média geral, no entanto, ficará baixa. E você não poderá concorrer a processos seletivos que exigem uma nota mínima por área do conhecimento. 


"Fui muito bem na 1ª prova. Preciso mesmo fazer a 2ª prova do Enem?

Sim. Você deve fazer todas as provas do Enem para garantir uma boa nota média geral e ter mais chances nos processos seletivos que irá participar. Lembrando que a grande maioria dos processos seletivos que usam a nota do Enem como critério estipula nota mínima em diferentes áreas do conhecimento. Então, mesmo se você gabaritou as questões e acha que vai tirar mil na redação, ainda assim tem as notas mínimas, que, na maior parte das instituições de ensino superior é de 450 pontos em cada disciplina. 


"Não fiz o Enem. Como vai ser calculada a minha nota na universidade pública?" 

Se você não fez o Enem, não poderá concorrer a uma vaga pelo Sisu, em janeiro. O sistema, que seleciona candidatos para vagas em universidades públicas, exige que o candidato tenha feito a última edição do Enem e não tenha zerado na redação. No entanto, você pode se focar nos vestibulares de instituições de ensino que têm prova própria. Cada universidade, pública ou privada, é livre para estabelecer as suas regras de seleção. Elas variam muito entre si, por isso é preciso checar os editais individualmente para saber qual o impacto - e se haverá impacto - na entrada na universidade.


"Zerei na redação. E agora?" 

Caso o padrão dos anos anteriores se repita e todas as universidades que fazem parte do Sisu exijam uma nota mínima em redação diferente de zero, você não poderá pleitear nenhuma vaga pelo sistema.


"Escrevi pouco na redação e acho que fugi um do tema. Tem problema?" 

Nesse caso, valem os critérios de correção da redação que constam na cartilha do participante. A cartilha lista razões para zerar na redação, como ter menos de sete linhas, fugir completamente do tema ou não obedecer à estrutura dissertativo-argumentativa. Outro ponto importante é que a folha onde a redação está escrita não pode conter desenhos, sinais gráficos, números ou quaisquer outros elementos sem função clara.


"Acho que desrespeitei os direitos humanos na redação. Devo fazer a 2ª prova?" 

Sim. A sua opinião, especialmente quando somada à ansiedade, pode ser muito subjetiva a respeito do seu próprio desempenho. A recomendação é esperar a correção da redação. Toda redação do Enem é corrigida, no mínimo, por duas pessoas. Se houver muita discrepância entre as duas notas, aquele texto é atribuído a um terceiro corretor. Caso ainda haja muita divergência, a redação passa por uma banca de avaliação. Só então a nota é definida e só será divulgada junto com os outros resultados, em janeiro.


"O fiscal me pediu para sair da sala no primeiro dia de prova. Fui eliminado do Enem?" 

Sim. Se você não cumpriu as regras do edital e fez algo que é considerado eliminatório, como conversar ou deixar seu celular tocar, você está eliminado do exame.

Fonte: https://educacao.uol.com.br/noticias/2019/11/04/foi-mal-no-primeiro-dia-do-enem-tire-suas-duvidas-sobre-o-que-fazer.htm

Foi mal no primeiro dia do Enem? Tire suas dúvidas sobre o que fazer.

  Receba Nossas Novidades